quinta-feira, 30 de maio de 2013

You're the smile on my face cap - 31



                                                                               

Jenny: Entra!!! - gritei assim que ouvi, alguém batendo na porta.

Não, não acredito nisso...

Jenny: O que esta fazendo aqui? - disse surpresa.
Hanna: Posso falar com você? - ainda estava em choque com sua visita.
Jenny: Claro!!! Sente - se - dei espaço e ela se sentou em minha cama. 
Hanna: Quero te ouvir... - ok, confesso que não entendi nada.
Jenny: Ouvir o que? 
Hanna: Me conte, sua parte da história! - posso dizer que Hanna esta sendo muito forte, eu não aguentaria fazer isso que ela esta fazendo.
Jenny: Bom... tudo começou, quando comecei a ajudar Justin a te conquistar, mas acabei vendo o quanto fofo ele era, tivemos recaídas, mas escondemos de todos, pois não queríamos te magoar, mas na ultima recaída, nós transamos, e foi ai que eu comecei realmente a gostar dele, estava apaixonada por Justin Drew Bieber, não conseguia ficar longe dele. Mas ele discutiu comigo, falando que não podíamos, e então ele te pediu em namoro, tentei esquece - lo com Chris, mas Justin não deixou, e foi ai que começou tudo, e sabe de uma coisa? Quando eu fiquei sozinha depois daquele dia, eu chorei muito, me arrependendo de tudo que eu tinha feito. Mas agora eu não me arrependo mais, sabe por que? Porque mesmo sendo da maneira errada, eu encontrei o amor da minha vida, ele é o homem que eu quero sempre ao meu lado, que seja o pai de meus filhos, que me faça sorrir toda manhã apenas por vê - lo do meu lado dormindo. Não me arrependo de ter me envolvido com Justin, mas me arrependo e muito, de ter perdido minha melhor amiga, pois eu te amo Hanna, e sei que to errada, mas não escolho quem posso amar.... - a essa hora lágrimas saíam de nossos olhos, Hanna me olhava incrédula, acho que ela não esperava isso, nem eu mesma esperava isso.  
Hanna: Quem disse que você perdeu sua melhor amiga? - nos abraçamos forte, botando todos os sentimentos pra fora. 

Não acredito que aquilo estava realmente acontecendo, eu realmente precisava de Hanna em minha vida, ela me acompanhou por 18 anos, não aguentaria ficar sem ela, nem mais um dia.

Jenny: Obrigada por ter me perdoado Hanna, não sei o que faria sem você - a abracei de novo.
Hanna: Não precisa me agradecer, eu também não viveria sem você! - sorrimos - Eu até ficaria mais com você, mas se importaria se eu fosse falar um pouquinho com Logan? 
Jenny: Sem problema, acho que vocês precisam conversar mesmo! Depois me conta tudo hein... - vibrei e ela riu.
Hanna: Pode deixar - ela piscou pra mim, abrindo a porta do quarto.
Jenny: Te amo - gritei.
Hanna: Também te amo gata - ela mandou um beijo no ar, e fechou a porta.

Minha conversa com a Hanna, foi como se tivesse tirado um peso enorme das costas. Eu precisava daquilo, tanto quanto eu preciso de Justin do meu lado.

~ Hanna Narrando ~

Hanna: Posso entrar? - perguntei depois de tocar na porta de Logan.
Logan: Pode! - sua voz soou desanimada. 
Hanna: Nossa quanta animação pra me vê - brinquei e ele me encarou surpreso.
Logan: Hanna?!!! - ele pulou da cama e veio até mim. 
Hanna: Em carne e osso - pisquei pra ele, que riu.
Logan: A que devo a honra de sua linda visita? - era incrível como Logan me fazia, me sentir uma verdadeira princesa.
Hanna: Eu vim falar com Jenny, e resolvi passar aqui pra dar um "oi" - ele sorriu gigante mente e eu me sentei em sua cama, enquanto o mesmo fechava a porta.
Logan: Então vocês fizeram as pazes? - ele deitou do meu lado.
Hanna: É... parece que sim! - não posso negar que estava feliz - Mas vamos falar sobre a gente! - me deitei em seu peitoral, e Logan me abraçou.
Logan: Mas e o Justin? - estranhei sua pergunta.
Hanna: O que que tem ele? - perguntei confusa.
Logan: Você ainda gosta dele? - aquela pergunta me pegou.
Hanna: Sabe o que é Logan?! Na vida não se pode ter tudo o que quer, as vezes precisamos esquecer as pessoas que tanto gostamos, mas nem sempre isso é ruim, no meu caso eu encontrei alguém que me faça feliz, que me faça sorrir mesmo quando estiver triste, que sempre esteja no meu lado, e que esta me fazendo esquecer a cada dia o... o... Qual é o nome dele mesmo? - brinquei e nós rimos - O importante, é que agora é você que eu quero.
Logan: Você não faz ideia de como estou feliz em ouvir isso - sorrimos e nos beijamos.
Hanna: Bom... pra um "oi" até que nossa conversa ficou bem longa - rimos - Tenho que ir.
Logan: Ah não! Fica mais um pouco vai... - ele fez biquinho.
Hanna: Não posso, prometi a minha mãe, que ia almoçar em casa - dei um selinho nele.
Logan: Então me da um beijão, e eu deixo você ir - ri de sua criancice, e me aproximei dele.

Nossos lábios se encostaram, formando um beijo molhado, nossas línguas brincavam dentro de nossas bocas, ficamos assim por um tempinho e nos separamos.

Logan: Quer sair comigo de noite? - tinha como dizer não pra aquele par de olhos azuis.
Hanna: Que horas? 
Logan: 19:00 passo na sua casa! 
Hanna: Ok! Agora eu tenho que ir beijos - o selei e fui embora.

Estou realmente gostando de Logan.

~ Jenny Narrando ~ 

Vi que Hanna foi embora e resolvi me desculpar com Logan. Toquei na porta e ele gritou um "entra". Entrei e o sorriso que estava estampado no rosto dele, se desmanchou.

Jenny: Logan eu preciso falar com você! - fui até ele.
Logan: Não tenho nada pra falar - ele se virou e botou seus fones de ouvido.
Jenny: Logan, para de criancice, e me escuta - puxei seus fones.
Logan: Legal, agora eu que sou criança?
Jenny: Me desculpa ta? Eu não devia ter dito aquilo, era tudo besteira, não quero ficar brigada com você por causa disso, eu fui idiota e reconheci meu erro - olhava em seus olhos azuis.
Logan: Você me magoou Jenny - doeu ouvir aquilo.
Jenny: Me desculpa irmão! - estava mais do que arrependida.
Logan: Tudo bem minha pequena! Te amo - ele sorriu e beijou minha bochecha.
Jenny: Também te amo - meu celular começou a tocar.

Peguei o mesmo e olhei na telinha, podendo vê quem era.

Jenny: Porque você não me contou nada? - gritei com raiva com a pessoa que estava do outro lado da linha.


CONTINUA *O*

VOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLTEEEEEEEEEEEEEEEEEEII SUAS GATAS.

DESCULPA DESCULPA DESCULPA MESMOOOOOOOOOOO! Fiquei muito tempo sem postar né? Mas foi por que muita gente não comenta, 200 pessoas veem e nem a metade comenta, vamos lá né gente comentem poxan, não vai cair a mão. 

Saaaaaaaaaaaauuudadeees de vocês !!! bom não quero continuar essa IB, mas vou terminar ela, e vou começar uma muittttttttoooooooooooooo melhor, então é isso beijuuuuss Dessa 

domingo, 21 de abril de 2013

You're the smile on my face cap - 30


                                                                         

Hanna: Te perdoo Justin! Sei que o que você fez foi errado mas... não consigo ficar sem você Justin, eu te amo - ela se aproximou de mim, mas me afastei dela.

Justin: Hanna fico muito feliz que você tenha me perdoado, mas... Eu amo a Jenny, e sinto muito por ter te iludido ou sei lá o que... - sorri de lado.
Hanna: Então você ama mesmo ela, né? - ela se sentou em minha cama com a cabeça baixa.
Justin: Sim... - ainda estava confuso com a atitude de Hanna.
Hanna: Justin eu só estava te testando, eu não quero voltar com você - Ta bom agora eu to confuso.
Justin: Você esta me deixando cada vez mais confuso.
Hanna: Olha mesmo eu estando com muita raiva da minha amiga, eu a amo, e não queria que ela sofresse o que eu estou sofrendo, então queria vê se você realmente a amava... - fiquei meio perdido em seu "plano" estranho, mas entendi o objetivo.

Sentei no seu lado e a abracei.

Justin: Sinto muito por te feito aquilo com você, mas como você disse, eu realmente a amo, e quero te pedir desculpas novamente - ela sorriu pra mim, o que me fez ficar mais calmo.
Hanna: Ok Justin! Eu te perdoo - ela sorriu e me abraçou.

O barulho do meu celular nos "atrapalhou". Sorri envergonhado, me desgrudando de Hanna, peguei meu celular e a telinha indicava que era Jenny, achava melhor não atender na frente de Hanna, mas como tinha 3 mensagens dela, fiquei preocupado e atendi.

Ligação ON:

Jenny: Alô? Justin?! - sua voz parecia estar falhada.
Justin: Esta tudo bem?
Jenny: Tem como adiarmos, nosso encontro?
Justin: Porque? O que houve Jenny? - me desesperei um pouco quando ouvi seu choro.
Jenny: Não foi nada Justin!
Justin: Você esta em casa?
Jenny: Sim... Porque?
Justin: Estou indo pra ai, beijos! - desliguei antes que ela respondesse.

Hanna: Parece que você tem que ir... - sua expressão era de tristeza.
Justin: Me desculpa, sei que estamos errados, mas ela não tem ninguém além de mim - falei com pena.
Hanna: E o Logan! - ela me completou.
Justin: Pelo que diz a mensagem, nem o Logan! - botei minha jaqueta que estava em cima da cama - Quer uma carona pra casa?
Hanna: Não, obrigada, estou de carro - ela sorriu - Mas te acompanho até lá em baixo - sorri e assim descemos.
Justin: Então é isso... Se precisar de alguma coisa estou aqui - me despedia dela, enquanto a mesma entrava em seu carro.
Hanna: Obrigada Justin! Tchau tchau - ela acenou e se foi.

{...}

Logan: Eu já disse que ela não ta aqui! - Logan não me deixava entrar de jeito nenhum.
Justin: Aé?! Então me explica ela ter me ligado chorando, precisando de ajuda, e me dizendo que não vai poder sair de casa hoje, pois estar muito mal?!!! - ele permaneceu calado - Eu só quero ajuda - la Logan! - ele bufou e finamente abriu a porta em um espaço proporcional pra que eu passasse - Obrigado!

Subi as escadas correndo, o que me fez tropeçar e cair na frente de um homem, cujo nunca tinha visto. Levantei rápido e o encarei.

Xx: Quem é você? - sua voz grossa me assustou.
Justin: Sou o Justin, prazer. - estendi a mão e ele apertou a mesma, um pouco forte.
Xx: E o que você esta fazendo aqui? - aquele interrogamento estava me deixando nervoso.
Justin: Eu vim falar com a Jenny... - ele me interrompeu.
Xx: Ah sim... Nesse caso, prazer, sou o Joson, o pai da Jenny - engoli o seco, e apertei sua mão novamente - Você deve ser o namorado dela, acho que você pode acalma - la! - apenas assenti com a cabeça, e ele me deu espaço pra passar.

Depois que Joson desceu as escadas, eu respirei fundo, com essa cena um tanto quanto constrangedora, e toquei na porta de Jenny, logo ouvi um "Entra" e assim fiz. Abri a porta e vi a cena que quebrou meu coração. ODEIO vê ela chorar, era como se eu não estivesse cuidando dela direito...

Justin: Eeei o que foi? - limpei suas lágrimas e a abracei.
Jenny: Como eu não percebi isso Justin? Meus pais estão separados, e sinto que foi por minha culpa... - interrompi ela.
Justin: Não, não e não! Se eles se separaram foi por uma causa deles, e não sua. Você precisa conversar com eles, eles vão te explicar! - ela me abraçou forte e eu sorri.
Jenny: Você tem razão, obrigado por ter vindo aqui - ela se aconchegou em mim.
Justin: Não precisa agradecer, só sorria pra mim que esta bom! - ela se levantou e me encarou.
Jenny: Assim?! - ela falou se referindo ao seu lindo sorriso que estava em seu rosto agora.
Justin: Assim mesmo - nos selamos e ela deitou ao meu lado novamente.
Jenny: Justin, fica aqui essa noite? - seu biquinho era tão fofo que não resisti e dei um selinho demorado.
Justin: Ta perguntando se um macaco quer banana? - gargalhamos com minha piada idiota.

{...}

Jenny: Aaah não! Fica mais um pouco vai!
Justin: Não posso amor, já passei a noite aqui, tenho que ir pra casa - sua cara foi de decepção.
Jenny: Ta bom! - ela sorriu forçado.
Justin: De noite passo aqui pro nosso encontro ta?
Jenny: Ok - ela sorriu e eu a beijei.

Sai da casa dela, e peguei meu carro... Ain como eu amo essa menina!

~ Jenny Narrando ~

Subi as escadas e fui direto para o banheiro tomar meu banho, assim que acabei botei uma roupa qualquer e sentei na minha cama.

Jenny: Entra!!! - gritei assim que ouvi, alguém batendo na porta.

Não, não acredito nisso...

Jenny: O que esta fazendo aqui? - disse surpresa.


CONTINUA *-----*

Heeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeyyy girls!!! kkkkkkkkkkkkkk se comeram de curiosidade né? Não gente, em hipótese alguma, ia botar o Justin e a Hanna juntos de novo! kkkkkkkk mas ok!

E ai estão gostando? Espero que sim... comentemmmmmmmmmmmmmmm genteeee!!! pfvvvvv!!! 

Tenho que ir aqui num posso ficar mt tempo pq já ta tarde (pros meus pais) kkkkkkkk mas em fim, não me abandonem!!! Kisseeeees! 

domingo, 14 de abril de 2013

You're the smile on my face cap - 29



                                                                             

Jenny: FALA LOGO PAI, VOCÊ SEMPRE ESCONDE AS COISAS DE MIM! EU TENHO DIREITO DE SABER - gritei.
Joson: EU E SUA MÃE NOS DIVORCIAMOS! - ele disse e meu mundo desabou.
Jenny: O que? - minha voz saiu falha.
Joson: Olha eu não queria ter te contando assim, eu... - interrompi ele subindo as escadas e indo até meu quarto.

Não, não pode ser, isso não esta acontecendo. Deitei na minha cama, e fiquei encarando o teto. Aquela notícia era tão ruim que eu não conseguia chorar, não conseguia me aliviar, tirar aquela dor e angustia de mim...

Meus pensamentos foram interrompidos por Logan entrando no quarto.

Logan: Ei, vai ficar tudo bem. - aquela voz confortadora invadia meus ouvidos.
Jenny: Por que ela não me disse nada Logan? - me referi a minha mãe.
Logan: Ela queria te poupar disso que esta sentindo agora!
Jenny: É mas, contando antes, ou depois, eu iria sofrer... Por que eles fizeram isso Logan? O que aconteceu? - tentava entender aquela situação.
Logan: Eu não entendi direito quando seu pai me contou, mas isso é coisa que vocês três precisam conversar! - Logan como sempre, achava que tudo daria certo.

Fiquei calada e Logan me abraçou, ele fazia carinho em meus cabelos em quanto brincava com seu casaco, quieta.

Logan: Tenho uma coisa pra te contar - ele parecia feliz, ao dizer essas palavras.
Jenny: O que? - me ajeitei na cama.
Logan: Eu fui na casa da Hanna e a gente... - ele nem precisou terminar de falar, pra eu entender.
Jenny: Sério??? - pulei da cama.
Logan: Sim! - ele ria da minha reação.
Jenny: Logan, você tirou a virgindade de Hanna! - afirmava, surpresa.
Logan: Eu sei - ele sorriu de lado.
Jenny: E o que ela disse? Como ela reagiu? Ela esqueceu o Justin? - falava rápido.
Logan: Vai com calma... Eu fui lá pra dizer que vocês haviam saído, e então nos beijamos, e ela disse pra eu faze - la feliz, e depois ela agradeceu e eu fui embora.
Jenny: O QUE? Você foi me dedurar pra ela? Jura que você foi lá dizer que eu e Justin tínhamos saído? - estava indignada com a atitude de Logan, ele não tinha direito de fazer isso.
Logan: Eu não achei justo o que vocês estavam fazendo, enquanto vocês se divertiam sozinhos, ela chorava - sua voz soava calma.
Jenny: E ai você vai lá pra "consolar" ela né? Vai ser assim agora Logan? Tudo que eu fizer com o Justin que você souber, você vai lá correndo pra contar, pra ela ficar com mais raiva da gente, e você se aproveitar disso pra "faze - la feliz". Quer saber de uma coisa?! Você não passa de um menino ridículo que quer se aproveitar de uma menina tão legal quanto a Hanna - cuspi as palavras sem ao menos saber a besteira que eu disse.
Logan: PARA JENNY! VOCÊ SABE O QUE EU SINTO POR ELA, EU TE CONTEI! NÃO QUERO ME APROVEITAR DE NINGUÉM OK?! - ele gritou comigo, como nunca tinha feito antes.
Jenny: NÃO LOGAN, EU NÃO SEI O QUE VOCÊ SENTE. Mas se você diz que a ama, porque precisa, usar eu e Justin, pra conseguir ela? Será porque ela não gosta de você? Aé, ela é apaixonada pelo JUSTIN BIEBER, e pelo que eu saiba, você não é ele! - pude vê uma lágrima cair de seus olhos azuis.

Logan saiu do meu quarto e bateu a porta. Que droga! Odeio brigar com Logan, mas acho que dessa vez peguei pesado, Logan nunca chorou na minha frente. Logo depois ouvi uma batida na minha porta, sugeri que fosse Logan, mas era meus pais.

Joice: Filha? Podemos conversar com você? - agora você quer conversar, né, mãe?!

~ Justin Narrando ~

Felicidade era a palavra certa, pra descrever o que estava sentindo agora, nada poderia me deixar pra baixo, agora eu tinha certeza que a amo, que eu quero ela ao meu lado, pra sempre. Cheguei em casa com um sorriso maior que o mundo. Abri a porta de casa, e ouvi vozes da cozinha, fui até a mesma, e lá estava meu pai, minha mãe e Hanna... HANNA???

Pattie: Oi meu filho, onde estava? Você dormiu fora e nem nos avisou, sua namorada esta aqui - Hanna sorria como se nada estivesse acontecido.
Justin: Hanna? - não posso negar que estava muito confuso.
Hanna: Que foi, amor? Parece que viu um fantasma - ela acariciava meu rosto.
Jeremy: Filho? Você esta bem? - eles olhavam fixamente para mim.
Justin: Hanna, eu posso falar com você? Lá no meu quarto?
Hanna: Claro amor, já voltamos - ela disse para meus pais, e subiu logo atrás de mim.

Entramos no meu quarto e eu fechei a porta.

Justin: Estamos sozinhos, ninguém esta nos ouvindo nem nos vendo, me explica o que você esta fazendo aqui? - olhava fixamente em seus olhos azuis.
Hanna: Justin eu queria te dizer que eu te perdoo! - WHAT?
Justin: Como assim me perdoa?
Hanna: Te perdoo Justin! Sei que o que você fez foi errado mas... não consigo ficar sem você Justin, eu te amo - ela se aproximou de mim....


CONTINUA *OOO*

Heeeeeeeeeeeeeeeey tudo bemmm gente??? 

Poxinha 13 comentários??? Eu tinha pedido 20, e olha que mais de 100 pessoas visualizaram a postagem... Fiquei chateada mas obrigada pelas pessoas que comentaram!

Em fim cadê as leitoras que ainda não seguiram o BLOG??? OOOOOOOOOOI você ainda não seguiu??? Então SIGA!!! Não custa nada, e você me deixa feliz :)))) kkkkkkkkkkk 

Então é isso, POR FAVOOOOOOORR COMENTEM ++++++ SE NÃO ACHO QUE NÃO VOU FAZER 2º TEMP. HAUSHUAS Pleaseeeee!!! Bieberkiss para todas amooo vcs! 

domingo, 7 de abril de 2013

You're the smile on my face cap - 28


                          

Atenção: Partes HOT nesse cap, se não gosta pule a parte bjuss e boa leitura.

É agora que iria sentir seu corpo de novo, precisava disso mais que tudo, eu a amo, e vou demostrar isso.

Beijava seu pescoço loucamente enquanto sua mão deu uma leve apertada em minha bunda. Subi meus beijos para sua boca e desamarrei a parte de cima de seu biquíni, seu peitos pularam pra fora, tendo um contado diretamente com a água gelada, o que fez ela se arrepiar. Me abaixei um pouco para ficar na altura de seus seios, e comecei a chupa - los.

Como era bom sentir seu corpo de novo. Continuei meus movimentos, seus olhos permaneciam fechados e seus dentes mordiam ferozmente seus lábios avermelhados, sua expressão facial era de prazer, me senti exitado com isso. Enquanto chupava seu seio, fazia movimento no outro e assim vai...

Logo parei os movimentos em seus seios e ela me olhou curiosa querendo saber o que iria fazer. Beijei sua boca e desci meus beijos até a barra de sua calcinha, que estava de baixo d'água, voltei para superfície, e a beijei enquanto tirava sua calcinha com as mãos. Continuei beijando seus lábios macios, mas botei minha mão em sua intimidade "brincando" com seu clítoris, ela gemia durante o beijo. Parei meus movimentos e dei um ultimo selinho nela.

Peguei o máximo de folego que podia, e mergulhei na água, ficando cara a cara com sua intimidade, completamente molhada, meu membro estava quase rasgando a cueca. Depositei um beijo em sua intimidade, e comecei a chupa -la com muita vontade, a água acompanhava meus movimentos, podia ouvir seus gemidos gritantes. Voltei a superfície para pegar mais folego e a beijei, enquanto a beijava enfiei 2 dedos em sua intimidade, o que fazia ela revirar os olhos de tanto prazer. Retirei os dedos e mergulhei novamente, continuei chupando sua intimidade e logo a penetrei com a língua, senti suas mãos entrarem em contado com a água e se alojarem em minha cabeça, transmitindo mais intensidade aos meu movimentos. Meu folego acabou e eu voltei a superfície a beijando novamente.

~ Jenny Narrando ~

Sexo na piscina? Nunca pensei que seria tão prazeroso sentir seu toque dentro d'água, me contorcia de tanto prazer. Justin parou os movimentos, parecia exausto, mas me beijou mais feroz do que nunca. Durante o beijo trocamos de posição, Justin encostou na borda da piscina, enquanto eu apertava seu membro por cima da cueca, rapidamente tirei a mesma, e parei o beijo. Justin me olhou safado e eu sorri.

Passei minha unha do dedo indicador no meio de seu peitoral, o arranhando até chegar seu membro totalmente ereto, comecei a masturba - lo, não queria beija - lo, mas queria vê sua expressão de prazer ocasionado por mim. Meus movimentos iam cada vez mais rápido, Justin jogava sua cabeça pra trás, e gemia alto. Ele botou suas mãos sobre a minha guiando meu movimentos, cheguei mais perto dele, e podia sentir a cabeça de seu membro se chocar contra minha intimidade, dando prazer a ambos. Parei meus movimentos e Justin me olhou com um olhar de "Quero mais".

Beijei seu pescoço e dei um chupão. Justin arfou. Respirei fundo e mergulhei na água, seu membro permanecia ereto, abocanhei o mesmo. Comecei dando uma leve lambida em sua cabecinha, e engoli a água que entrou em minha boca, depois comecei a chupar seu membro com muita vontade, masturbava uma parte e chupava outra, Justin com uma mão me ajudou a masturba - lo e com a outra pressionou minha cabeça para dar mais intensidade aos movimentos. Fiquei sem folego e voltei a superfície, Justin inverteu as posições e me encostou na borda da piscina, e se aproximou de mim.

Justin: Está preparada para me sentir de novo? - perguntou malicioso.
Jenny: Para de viadagem e enfia essa porra logo, Justin - disse e ele riu.

Logo senti seu membro entrando em mim devagar, passei minhas pernas em sua cintura e meus braços o envolviam. Seus movimentos começaram a ficar bem rápidos, arranhava suas costas e chupava seu pescoço, para aliviar meu tesão, mas era quase impossível, não gemer com seu toque. Justin me penetrava cada vez mais rápido, gritava seu nome, e Justin arfava, nossos gemidos juntos, eram como musicas para meus ouvidos. Ficamos assim por um tempo, e logo senti um jato quente invadir meu corpo, se misturando com a água gelada. Justin parou os movimentos, mas eu queria mais.

Jenny: Vamos para o quarto?
Justin: Boa ideia ! - ele disse e nós saímos da piscina.

Assim que saímos Justin me pegou no colo de frente, e pois seu membro dentro de mim, gritei e ele riu, agarrei ele, e subimos as escadas com Justin dentro de mim, o que fazia seu membro se mover a cada movimento que ele fazia.

Entramos no quarto e Justin abriu a porta, ele me jogou na cama e foi pra cima de mim me beijando ferozmente, logo senti seu membro dentro de mim de novo, só que dessa vez, bem mais rápido, gemia loucamente com isso. Justin começou a ficar cansado, inverti e fiquei em cima dele, comecei a rebolar em cima dele, Justin botou a mão em minha cintura acompanhando meu movimentos, ficamos assim por um tempo e Justin inverteu e me deu mais 3 entocadas, o suficiente para eu chegar ao meu prazer máximo e meu liquido sair.

Felizmente deitamos, e Justin puxou o cobertor nos cobrindo, Justin me encochou e assim ficamos.

Justin: Eu te amo - sussurrou em meu ouvido.
Jenny: Eu também te amo - dei um selinho nele e dormimos.

{...}

Justin: "I'm becoming this....
Jenny: All I want to do...
Justin: Is be more like me...
Nós dois: And be less like you
I've become so numb I can't feel you there
(I'm tired of being what you want me to be)
I've become so numb I can't feel you there
(I'm tired of being what you want me to be)" - cantávamos que nem dois loucos a musica numb da banda Linkin Park, que passava na rádio.
Justin: Somos loucos - disse ele parando na frente da minha casa.
Jenny: E retardados! - disse e nós rimos - E agora Justin?
Justin: O que? - ele disse confuso.
Jenny: O que vai acontecer com a gente? Vamos esquecer isso tudo? - falei triste.
Justin: Apenas saia comigo hoje a noite, as 19:00 horas, e nós resolvemos isso! - ele disse e nos beijamos - Eu te amo!
Jenny: Eu também te amo, muito mesmo! - ele sorriu e eu sai do carro.

Pronto Justin foi embora, mas agora o conto de fadas acabou, tenho que descobrir porque meus pais não se falam. Entrei em casa, com a intensão de ninguém me vê, mas Logan estava na sala, me esperando provavelmente, ele me olhou com uma cara de reprovação e eu sorri de lado.

Joson: Onde você estava? - meu pai disse descendo as escadas olhando sério pra mim.
Jenny: Por que você e minha mãe não se falam? - mudei de assunto.
Joson: Perguntei primeiro! - ele disse sério.
Jenny: Anda pai! Fala, por que vocês não se falam? - perguntei insistente.
Joson: Não foi isso que eu perguntei!
Jenny: FALA LOGO PAI, VOCÊ SEMPRE ESCONDE AS COISAS DE MIM! EU TENHO DIREITO DE SABER - gritei.
Joson: EU E SUA MÃE NOS DIVORCIAMOS! - ele disse e meu mundo desabou.




CONTINUA *_*

Minhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaasss lindaaaaaaaaassss!!! Que saudadeeess, gente eu não parei de escrever, só que não tenho tempo de postar dia de semana, me desculpe! Não quero perder vocês!!! 

Mas e ai gostaram do cap?? kkkkkk eu gostei da parte Hot e vocês?? 

66 seguidores uhuuuuuuuuuuuuuuul, quem vai me ajudar a chegar a 69?? kkkkkkkkkkkkkk vou tirar print hein!!! Vamos lá gente, custa nada se inscrever no blog! 

Em fim quero 20 comentários nesse cap pode ser?? vaaaaaaai pfvvvvv !!! hahaha s222 

AMOOOOOOOOOO VOCÊS!!! BIEBERKISSES! BYE


sábado, 30 de março de 2013

You're the smile on my face cap - 27


                                                                           

                                                                             

Jenny: Você também me ama? - disse olhando pra ele.
Justin: Mais do que você pensa! - ele disse e nos beijamos.

Justin cruzou sua mão com a minha e nos sentamos de frente pro mar. O vento frio balançava meus cabelos, enquanto Justin passava seus braços pela minha cintura. Sorri com isso e Justin sussurrou em meu ouvido um "Você está feliz?"

Me virei pra ele e disse: Claro! Porque não estaria? - perguntei confusa e ele riu.
Justin: Porque eu não sou um príncipe que toda garota quer... Se é que você me entende! Mas faria tudo pra te vê sorrir - ele disse e eu sorri de orelha a orelha.
Jenny: Você tem razão! - disse olhando pra ele.
Justin: No que?
Jenny: Você não é o príncipe que toda garota quer - disse e ele me olhou triste - Você é o príncipe que eu quero do meu lado pra sempre, pra ser sua única princesa, pra olhar pro outro lado da cama, de manhã e vê você do meu lado, e sorri. Porque você me faz feliz toda vez que estou com você, eu te amo! - disse e seus olhos brilhavam.
Justin: Cara eu não sei nem o que dizer... - era inexplicável sua reação naquele momento.
Jenny: Que tal um beijo?
Justin: Que tal eu dizer, que não tenho palavras pra descrever o quanto eu te amo, e que você foi uma das melhores coisas que já aconteceu na minha vida?!!!! - ele disse e eu sorri.
Jenny: E meu beijo? - fiz biquinho e Justin me deu um selinho, que logo virou um beijo bem gostoso.

~ Justin Narrando ~

Realmente não tinha como alguém me fazer mais feliz que ela! Ela é tudo pra mim agora. Não posso perde - la, não conseguiria viver sem ela na minha vida. Mas não podemos esquecer que magoamos uma pessoa muito importante em nossas vidas, mas o amor é tão forte, mas também não é perfeito, afinal, nada é perfeito...

{....}

Justin: E ai princesa?! Está preparada pra próxima "parada"? - perguntei sorrindo enquanto abria a porta do carro pra ela.
Jenny: Preparadíssima! - disse e eu fechei sua porta lentamente.

Abri a minha porta e entrei no carro. Jenny ligou o radio novamente. Seus olhos fitavam o lado de fora da janela aberta, um sorriso bobo estava estampado em seu rosto. Em um leve movimento, ela prendeu seus cabelos em um coque bagunçado, e olhou pra mim. Mas no momento que ela olhou pra mim seus olhos se arregalaram, o que me fez ficar assustado.

Jenny: JUSTIN!!!! - ela gritou, me fazendo levar um susto.
Justin: O que foi? - não sabia se olhava pra ela, ou pra estrada.
Jenny: FICA PARADO AE, VOU PEGAR A CÂMERA! - ela disse que nem uma louca, procurando a câmera.
Justin: Hã? - perguntei desentendido.
Jenny: Você está muito gato assim!!! Vou tirar uma foto pra botar no seu perfil - ela disse e pegou a câmera e se posicionou para tirar minha foto - Agora olha pra cá e fica daquele jeito!
Justin: Que jeito? Assim?! - disse e fiz uma careta, o que a fez rir.
Jenny: Não!!! Seu bobo, anda logo, quero tirar sua foto - ela disse me apressando.
Justin: Mas eu não sei como eu estav... - ela me interrompeu.
Jenny: ASSIM! F-I-C-A  A-S-S-I-M!!! - levei um susto com seu grito e logo fiquei parado para tirar a foto.

"Tchiccxx"

O barulho da foto sendo batida, o que me deu uma sensação de alivio! Olhei pra ela que olhava fixamente a telinha da câmera, provavelmente vendo minha foto.

Justin: É... realmente não conhecia esse lado seu! - disse assustado, porém sorrindo.
Jenny: Que lado? - ela se fez de desentendida e se ajeitou no banco.
Justin: O seu lado maluco! - disse e nós rimos.
Jenny: Não era o objetivo dessa "viajem"?! Nos conhecer melhor?! Temos que conhecer todos os nossos lados, todos os nossos segredos e todos os nossos jeitos! - ela disse sorrindo lindamente.
Justin: Aprendeu rápido hein.
Jenny: Claro! Sou menina, né! - ela disse se gabando.
Justin: Mas os homens entendem mais de outras coisas - disse malicioso e ela riu.
Jenny: É... Pode ser!
Justin: Eu sei que você gostou - disse lembrando da nossa primeira e única vez, até agora.
Jenny: Gostei de que? - ela se fez de desentendida.
Justin: De vê meu corpo nu - disse e ela começou a gargalhar.
Jenny: Claro pow! Sua bunda é muito gostosa - ela disse mordendo os lábios, de uma maneira sexy.
Justin: Fazer o que né?! Sou muito gostoso - disse me gabando.
Jenny: Mas eu sou mais! - ela disse como se fosse óbvio.
Justin: Isso, eu posso concordar! - disse e nós rimos - Não devia dizer isso, mas sinto falta de sentir nossos corpos colados, e nossas respirações ofegantes... - disse e ela corou.
Jenny: Também sinto sua falta! - ela disse e eu sorri.

Parei o carro, e destranquei a porta.

Justin: Chegamos! - disse e saímos do carro.
Jenny: De quem é essa casa? - ela perguntou fitando a bela casa, a sua frente.
Justin: Dos meus pais - disse e ela sorriu.
Jenny: E o que viemos fazer aqui, hein?
Justin: Ué, não estava sentindo falta de mim? - sorri malicioso.
Jenny: Aaah isso foi todo seu joguinho né, safado? - ela disse rindo.
Justin: Que joguinho? - fingi que não sabia do que se tratava.
Jenny: Me lembrar de tudo, e depois me trazer para uma casa vazia, pra ficarmos sozinhos...
Justin: Mas deu certo né? - disse abraçando ela.
Jenny: Hum... Vou pensar no seu caso - ela disse e eu dei um selinho nela.

Entramos na casa, e ela ficou plasma com tanta beleza, realmente a casa era muito linda, e grande, tinha 4 andares, e uma piscina enorme.

Jenny: Ual Justin, que casa linda - ela disse observando cada detalhe - Quero morar aqui !
Justin: Quando nos casarmos, vamos morar aqui! - disse envolvendo meus braços em sua cintura, e sussurrando em seu ouvido.
Jenny: Promete?
Justin: Prometo ! - disse e nos beijamos - E ai? Que tal irmos pra piscina?
Jenny: Mas eu to sem biquíni....
Justin: Idai? Eu ia tirar ele mesmo - disse malicioso e ela sorriu.
Jenny: Ok! Então vamos.

Fomos para onde estava a piscina e Jenny tirou sua roupa, e ficou apenas de roupas intimas, mordia o lábio, a cada vez que ela tirava uma peça de roupa. Logo ela pulou na piscina, e sorriu pra mim, fazendo um gesto pra que eu entrasse também.

Rapidamente tirei minha camisa, e logo depois minha calça, estava apenas com minha cueca box branca, o que a água deixaria transparente. Mergulhei na água e fui até ela, e logo a beijei.

Justin: Senti saudades disso - disse sussurrando perto de sua boca, enquanto passava as mãos em seu corpo.
Jenny: Eu também! Eu te amo Justin - ela disse e eu sorri.
Justin: Eu te amo mais ! - disse e beijei ela ferozmente.

É agora que iria sentir seu corpo de novo, precisava disso mais que tudo, eu a amo, e vou demostrar isso.


CONTINUA *------*

HEEEEEEEEEEEEEEEEEY SUAS DIVAAAASSS QUE SAUDADES HEIN!!! ESQUECERAM DE MIM? ESPERO QUE NÃO! 

GENTEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE EU AMO VOCÊS, POR FAVOR NÃO ME ABANDONEM HAHA ESTOU MUITOOOOOOO ANSIOSA PARA A 2º TEMPORADA DESSA IB !!!! VAI SER F@D# HAUSHUASH

EM FIM CONTINUEMMMMM COMENTANDO E SEGUINDO O BLOG, VAMOS CHEGAR A 70 SEGUIDORES??? HAUSHUAS UHUUULL 

ENTÃO É SÓ ISSO, AMOOO VOCÊS E COMENTEMMM!!! (CAP HOT O PROXIMOOO) NÃO PERCAM! 


DIVULGANDO >>>>>>>> http://imaginebeliebervceojus.blogspot.com.br/ e http://kidrauhlisourprince.blogspot.com.br/ 





domingo, 17 de março de 2013

You're the smile on my face cap - 26

                                     
                                                                                                                 
Aviso: Partes HOT's nesse cap, se não gosta não leia hahaha :) Boa leitura!                       

Hanna: Anda Logan conta logo, o que tem de tão importante assim, pra me contar?
Logan: Jenny e Justin estão saindo... - ele cuspiu as palavras.
Hanna: Que?! - disse com voz falha.
Logan: Realmente, quer que eu repita?
Hanna: Mas Logan... Ontem eles me traíram, minha melhor amiga e meu namorado... Ex agora, mas ontem foi um dos piores dias da minha vida, e hoje eles fingem que nada aconteceu e já estão saindo juntos? - disse e sentir as lágrimas começarem a cair novamente.
Logan: Que merda Hanna! Você não sabe como dói vê você sofrer por aquele idiota, da vontade de matar ele! - ele disse nervoso.

Limpei minhas lagrimas e entrei no banheiro sem dá uma palavra, botei minha camisola curta e um pouco transparente, limpei meu rosto, e botei uma maquiagem, um pouco tanto provocante, joguei meus cabelos, e sorri. Abri a porta, e Logan me olhou de cima abaixo, ele me fitava, enquanto saia do banheiro, fui até ele, que estava sentado em minha cama. Caminhei lentamente chegando até ele, Logan mordeu os lábios e pude vê seu membro subindo.

Deitei ele lentamente na cama, e fiquei de quatro em cima dele, logo dei um selinho demorado em seus lábios, que rapidamente ficaram avermelhados, pelo fato de eu estar com um forte batom vermelho.

Logan: O que você esta fazendo? - ele disse quase em um sussurro, pois estava a centímetros de sua boca.
Hanna: Ué? Você não ta cansado de me ver sofrer pelo Justin?! Que tal me fazer feliz? - perguntei sorrindo maliciosa.
Logan: É o que eu mais quero... Mas não posso - ele disse se ajeitando na cama.
Hanna: Porque? Ache que você gostasse de mim.. - fiz uma cara triste.
Logan: E eu gosto! Gosto muito! Mas eu sei que você só quer se vingar deles, e eu não quero ser usado... - ele disse meio triste.
Hanna: E se você fosse usado pra me fazer feliz? - disse sorrindo.
Logan: Acho que isso pode! - ele disse e nós sorrimos.

Beijei Logan com tudo, nosso beijo era quente e intenso. Logan passava as mãos por todo o meu corpo, me deixando arrepiada, ele tirou minha camisola lentamente, sem desgrudar seus lábios dos meus. Tirei sua calça lentamente, e ele me ajudou a tirar sua camisa.

Estávamos apenas de roupas intimas, Logan inverteu e ficou por cima, seus olhos encontraram aos meus e eu sorri boba.

Logan: Tem certeza? - ele perguntou meio duvidoso.
Hanna: Tenho! Me faça feliz Logan - disse no ouvido dele.
Logan: É o que eu mais quero!

Logan tirou meu sutiã, com rapidez e logo começou a massagear meus seios, arfava a cada toque, depois senti sua boca quente chupando meu seio, gemia alto com tudo aquilo. Logan desceu os beijos e depositou um beijo molhado, na minha intimidade por cima da minha calcinha. Ele tirou minha calcinha, e sorriu malicioso.

Senti 3 dedos sendo enfiados em minha intimidade, me contorcia de tanto prazer, Logan ia cada vez mais rápido, delirava com seu toque. Ele retirou os dedos, e os lambeu, o que me fez ficar mais exitada ainda. Senti sua língua me penetrando, enquanto sua mão massageava meu clitóris. Estava prestes a chegar ao meu prazer máximo.

Hanna: Lo... Log... aaahh, vou gozar - disse entre gemidos.

Logan parou seu movimentos, e eu inverti, subi em cima dele ferozmente, Logan se surpreendeu, mas sorriu malicioso. Arranquei sua cueca e pude vê seu membro ereto, e o encarei.

Hanna: Logan, cadê a camisinha? - perguntei.
Logan: Acho que tenho uma aqui! - ele disse pegando seu short do chão, e procurando no bolso - pronto aqui está, sabor morango, aproveite bem - ele jogou o pacotinho vermelho em mim.
Hanna: Pode deixar - disse e abri o pacotinho.

Botei a camisinha em Logan, e peguei em seu membro, comecei a fazer movimentos de vai e vem, Logan gemia baixo, de uma maneira muito exitante. Parei meus movimentos e puxei seu membro para botar em minha boca, o que fez Logan arfar.

Logo enfiei todo seu membro em minha boca, comecei a chupa - lo loucamente, a camisinha realmente tinha um gosto muito bom de morango.

Logan: VOU GOZAR! - ele deu um gemido alto e logo parei meu movimentos.

Logan inverteu novamente e ficou em cima de mim, ele roçou seu membro em minha intimidade e eu gemi alto. Ele se posicionou e olhou pra mim, apenas sorri pra ele, e logo senti seu membro me penetrar com força, doeu um pouco pelo fato de eu ainda ser virgem, mas logo a dor foi se tornando um prazer enorme.

Hanna: Va...vai, mais rapi... aaaaah - disse entre meus gemidos.
Logan: Gemi pra mim gostosa! - ele disse e foi o que eu fiz...

Ficamos assim por um tempo, até Logan cansar, percebi que seus movimentos foram parando um pouco, então subi em cima dele olhei em seus olhos.

Hanna: Agora é minha vez de comandar aqui!

Disse e comecei a rebolar em cima de seu membro, Logan botou as mãos em minha bunda, e a empurrou acompanhando e dando mais intensidade aos movimentos, estava ficando louca de tanto prazer que ele me dava, logo senti Logan gozar e não aguentei, botei meu liquido pra fora também. Logan subiu em cima de mim e deu mais 5 entocadas. Depois disso deitamos na cama com a respiração ofegante.

Logan: Nossa!!! Sou muito foda, fiz você chegar ao prazer máximo na sua primeira vez - ele disse se recuperando.
Hanna: Nem se acha - disse e nós rimos.
Logan: Te amo Hanna - ele disse sorrindo e me abraçou.
Hanna: Obrigado por me fazer feliz Logan! - disse e ele nos cobriu com o lençol e dormimos de conchinha.

~ Jenny Narrando ~

Chegamos na praia, e saímos do carro. Justin fechou o carro e me pegou no colo.

Jenny: Me solta idiota!!! - disse rindo.
Justin: Só se você falar "Justin Bieber eu te amo" - ele disse parado olhando pra mim.
Jenny: E se eu não disser? - perguntei sorrindo.
Justin: Não queira saber...
Jenny: Eu quero saber!

Justin me segurou mais firme e logo começou a correr que nem um idiota, até a areia.

Jenny: JUSTIN SEU FILHO DA PATTIE EU VOU CAIR - disse gritando desesperada e o idiota só sabia rir.
Justin: Então grita o que eu te pedi!
Jenny: Não! - disse e ele começou a correr - PARA BIEBER!!!
Justin: Não!
Jenny: SOCORRO!!! ESSE MENINO NÃO SABE O QUE FAZ - gritei e ele continuou rindo - me solta Justin
Justin: Não até você gritar o que eu pedi - ele disse e começou a correr mais rápido, a gente ia cair a qualquer momento.
Jenny: Justin Bieber, eu te amo! - gritei e ele parou, e me soltou - SÓ QUE NÃO - disse e comecei a rir.
Justin: Só que sempre - ele disse e me beijou.
Jenny: Você também me ama? - disse olhando pra ele.
Justin: Mais do que você pensa!


CONTINUA *-*

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHH gostaram da parte HOT??? Eu particularmente ODIEI, mas o que importa é a opinião de vocês!!!

Desculpa não ter postado ontem, é que eu to sem computador, esse pc aqui é da minha vó e tals...

Bom, estou com muitaaaaaaaas saudadeees de vocês!!! Cara eu amo vocês.

OBRIGADAAAAAAAAAAAA pelos 62 seguidoreeesss, obrigada mesmo, e você que ainda não seguiu o blog, é só clicar em "Participar deste site" e você vai ser uns dos membros uhuuul *o*

Então é isso COMEEEEEEEEENTEMMMMMMMMMMMMMMMMMM MUITOOOOO HEIN!!! hahaha Bieberkisses e boa semana pra vocês! 


domingo, 10 de março de 2013

You're the smile on my face cap - 25


     

Leiam as notas finas por favor! Boa leitura :)                                                                         

E o jogo, começa... Jogo? Sim! Jogo! Eu estou louco pra ter ela só pra mim. Esse é meu "jogo", conquista - la!

Observava, seus cabelos sendo jogados pro ar, pelo fato do vento forte que vinha de lá de fora. Seu sorriso tomava conta de seu rosto, só de vê -la feliz, eu me sentia livre de todos os problemas. Ela me fazia esquecer de tudo! Parecia até de proposito, seu rosto maravilhoso, seus olhos castanhos, e seus cabelos lisos, me chamarem toda a atenção. Era impossível olhar pra outra menina, depois de se apaixonar por ela. Seus olhos encontraram os meus, criando sorrisos bobos e nossos rostos.

Jenny: Que foi? - ela gritou rindo.
Justin: Eu que pergunto?! - disse no mesmo tom que ela.
Jenny: Porque estava olhando pra mim? - ela perguntou abaixando o rádio.
Justin: Sua beleza me encanta de uma maneira extraordinária - disse e ela corou.
Jenny: Clichê! - ela disse e nós rimos - Qual é Justin seja você mesmo, nós vamos nos conhecer melhor, conhecer nossos jeitos...
Justin: Mas esse é meu jeito!
Jenny: Não! Você é romântico! Não meloso. - ela disse e eu ri.
Justin: Você me conhece mesmo hein, garota - sorrimos.

Ela aumentou o radio novamente e começamos a cantar. Era tão divertido está com ela, é incrível como ela conseguia botar o melhor sorriso no meu rosto, nos piores momentos. Seguimos o caminho, sorrindo, e cantando. Assim que chegamos pedi para que ela fechasse os olhos.

Sai do carro e verifiquei se ela estava com os olhos fechados. Peguei a cesta que havia trazido para um piquenique, e marquei o despertador no meu relógio, pra avisar quando acabar o tempo. Por fim abri a porta pra ela, que saiu de olhos fechados, o que fez eu dar um selinho em seus lábios macios, ela sorriu e eu fui a guiando até o local onde nos sentamos. Sentei por trás dela e a abracei.

Justin: Pode abri os olhos - sussurrei na sua orelha, e ela se arrepiou toda, e logo em seguida abriu os olhos.
Jenny: Ual Justin! Isso aqui é lindo - ela disse com seus olhos brilhando.
Justin: Eu sei! Meu avô que me mostrou esse lugar antes de morrer - disse lembrando da primeira vez que vim aqui.
Jenny: Nossa seu avô devia ser um homem muito legal - ela disse simpática.
Justin: Sim! Ele era um grande homem... Mas vamos falar de nós - disse e ela sorriu.
Jenny: Então... Me conte mais sobre você?! - ela disse se virando pra mim e tirando algumas coisas da cesta.
Justin: Você deve esta se perguntando, como sou tão lindo, né?! - disse me achando
Jenny: Sabe que estava prestes a perguntar isso?! - ela disse e nós rimos.
Justin: O que você quer saber? Não esconderei nada - dei de ombros.
Jenny: Me conte mais sobre sua vida, no passado.
Justin: Eu tinha uma namorada, nós estávamos a 3 anos juntos, mas ai ela se mudou pra Europa, e tivemos que terminar. E meu avô morreu dois dias depois dela se mudar, então foi uma época muito difícil pra mim, tinha decidido que só iria namorar, se eu estivesse realmente apaixonado, e enquanto não me apaixonei, eu ficava com toda garota que aparecia pra mim... - disse olhando para a visão perfeita da cidade, a nossa frente.
Jenny: Nossa! E você se apaixonou por Hanna? - ela perguntou meio envergonhada.
Justin: Não! Mas pensei que sim... Quando conheci Hanna pensei que ela era a pessoa certa, que eu iria me apaixonar fácil, mas ai eu vi você, e agora estou completamente louco por você! - disse e ela sorriu de orelha a orelha.
Jenny: Ta... Agora fala das suas comidas favoritas - ela disse animada.
Justin: Pizza, bolo de baunilha, macarrão bolonhesa... A gosto de muitas coisas, agora me fale de você - disse sorrindo.
Jenny: Sou chata, feia, e louca, pronto me resumi em 3 palavras - ela disse e fez uma careta.
Justin: Você é perfeita pra mim - disse e beijei ela.
Jenny: Agora vamos comer antes que acabe o tempo aqui! - ela sorriu.

Abri a cesta e pegamos as comidas que estavam dentro da mesma, Jenny pegou um sanduíche natural, e um suco de laranja, peguei apenas um bolo e comemos nosso lanche.

{...}

O barulho do meu relógio soou, indicando que o tempo havia acabado. Pegamos as coisas do piquenique e botamos de volta no carro.

Justin: E ai pra onde vamos agora? - perguntei assim que entrei no carro.
Jenny: Pra praia!
Justin: Praia?
Jenny: Sim! Anda vai ser legal - ela disse sorrindo pra mim.
Justin: Ok! - disse por vencido.

~ Hanna Narrando ~

Acordei de manhã com uma mensagem de Logan, dizendo se podia passar aqui, respondi que sim, já que conversar com ele me fazia bem. Levantei da cama e tomei um banho, botei uma roupa fofa, e desci para tomar café. Me sentei na mesa, na frente da minha mãe.

Anne: Esta tudo bem minha filha? - ela perguntou desconfiada.
Hanna: Por que não estaria? - perguntei forçando um sorriso.
Anne: Pelo fato de virem 2 garotos e a Jenny aqui falar com você, com uma cara de bunda, e você se trancar no quarto o dia todo... - ela disse como se fosse óbvio.
Hanna: Não aconteceu nada de mais mãe - disse e voltei a comer meu pão com manteiga.
Anne: Sei... Bom, vou dar uma saidinha, tenho que resolver uns problemas, qualquer coisa me liga ok? - ela disse se levantando da mesa.
Hanna: Ok - disse terminando de comer.
Anne: Te amo - ela disse e deu um beijo em minha cabeça, e pegou sua bolsa.

Ela jogou um beijo no ar pra mim e logo se foi. Acabei de comer e fui pra sala, liguei a tv e me distrair com algo que estava passando, e acabei cochilando. Ouvi um barulho da porta sendo aberta... Deduzi que fosse minha mãe, então permaneci da mesma forma, pegando no sono novamente.

"buuuuuuu"

Um ser infeliz gritou me fazendo levar um susto e pular do sofá.

Hanna: PUTA QUE PARIU, CARALHO, QUEM É O INFELIZ QUE QUER PERDER A VIDA? - gritei, com raiva, mas me acalmei depois de vê que era Logan.
Logan: Nossa, vim aqui te fazer uma visita e você me recebe assim?  - ele disse fazendo biquinho.

Não resisti e dei um selinho demorado em Logan. Depois de perceber o que havia feito, me afastei rapidamente dele.

Logan: Ei, calma! - ele sorriu.
Hanna: Me desculpa Logan, é que eu... eu.... - disse tentando achar palavras e ele me interrompeu.
Logan: Não precisa se desculpar, eu gostei! - ele disse vindo pra mais perto de mim.
Hanna: Desculpa Logan, não foi minha intenção.. Foi apenas por impulso, não me intenda mal, eu preciso de você agora, mas como meu amigo ok? - disse e seu sorriso foi desmanchando - Desculpa!
Logan: Não! Tudo bem... Em fim, eu preciso falar com você - ele disse sério, o que me deixou preocupada.
Hanna: Vem! Vamos pro meu quarto, pra ter certeza de que ninguém vai nos interromper - disse puxando ele, e subimos até meu quarto.

Me sentei na cama, e apertei meu travesseiro, estava prevendo que ia me magoar com a noticia de Logan. Ele se sentou na minha frente e respirou fundo, olhei profundamente em seus olhos azuis que expressavam um sentimento triste, e lamentável. Queria saber o que era logo... Ele abriu a boca inúmeras vezes e não se pronunciava, até que resolvi quebrar o silêncio.

Hanna: Anda Logan conta logo, o que tem de tão importante assim, pra me contar?


CONTINUA *OOOO*

SAAAAAAAAAAAAAAAUDAAAAAAAAAAADEEESSS ETERNAS DE VOCÊS NA BOA *--* GENTE ME DESCULPEM POR NÃO TER POSTADO ONTEM, É QUE TIVE FESTA E TALS... MAS EM FIM UHUUL 54 COMENTÁRIOS, SENDO QUE 98% SÃO DA MESMA PESSOA, AMOR DA MINHA VIDA QUE ESTA COMENTANDO VARIAS VEZES POR FAVOR PARE! Eu sei que você quer me ajudar, ou até mesmo que eu poste o cap mas cedo, mas não é por causa de comentário, que eu não posto, é porque eu realmente não tenho tempo de escrever... 

Em fim 59 seguidoreeess UHUUUUUUUUL só falta mais UMA pessoa pra ficar com 60, me ajudem gente, é só clicar em "Participar desse site" não custa nada né?? hahah vamos lá me ajudem!

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAH TENHO UMA ÓTIMA NOTICIA!!! EU VOU FAZER A 2º TEMPORADA DESSA IB AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHH PODEM SURTAR JÁ KKKKKKKKKKKKKKKKK Parei! Sério eu resolvi fazer a 2º temporada, e na boa vai ser muitoooooooooooooo shoowww!!! Tive uma ideia muito legal, vocês vão se emocionar, espero que não parem de ler!!! hahah 

Em fim é só isso mesmo, comeeeenteeemmm, e sigam o blog né gentiii !!! hhahaha kiisseeeeeeeeees!

sábado, 2 de março de 2013

You're the smile on my face cap - 24




                                                                             
Cheguei lá embaixo e não pude acreditar...

Jenny: Pai?
Joson: Minha filha - ele disse e veio me abraçar.
Jenny: Senti saudades - disse abraçando ele forte.
Joson: Eu também - ele disse me abraçando.
Jenny: Logan cadê a mamãe? Estou louca pra ela vê que você esta aqui pai - disse sorrindo pra ele.

Eles me olharam com uma cara desapontada.

Jenny: Que foi gente? Parece que viram um fantasma - disse humorada.
Joson: Filha... precisamos conversar - ele disse com a voz séria.
Jenny: O que houve? - perguntei já preocupada.
Logan: Calma Joson! Você acabou de chegar, conte isso mais tarde... - ele se pronunciou pela primeira vez.
Jenny: Contar o que? - disse curiosa.
Joson: Nada de mais, filha! Logan tem razão te conto isso mais tarde - ele disse e forçou um sorriso.
Jenny: Ok né! Em fim, estou muito feliz que você voltou!!! - disse abraçando ele de novo.
Joson: Também estou muito feliz, por reencontrar vocês - ele disse eu sorri.
Logan: Bom, vamos deixar seu pai descansar!
Jenny: Mas eu quero ficar com meu pai - disse fazendo biquinho.
Joson: Olha filha, eu adoraria ficar mais um pouco aqui conversando com vocês, mas eu realmente to cansado, mas qualquer coisa to lá no quarto - ele sorriu e subiu as escadas.
Jenny: Bom, vou tomar um banho - disse e fui para meu quarto. 

Entrei no banheiro tomei um banho, e botei uma roupa. Desci as escadas, e fui para a cozinha, preparei um suco de laranja pra mim, e fiz um misto quente. Peguei uma maçã e as outras comidas, e fui para sala. Liguei a TV e estava passando minha série favorita, meu olhos estavam vidrados na TV, com o som um pouco alto, enquanto comia, meu "café da manhã".

Meus olhos se arregalaram, e meu coração se acelerou, em um susto que levei assim que ouvi o barulho da campainha. Abri a porta e sorri de lado.

Jenny: Tudo bem? - perguntei confusa, pelo fato de ele estar em minha casa.
Justin: Sim! - ele sorriu, e fiz um gesto pra ele entrar.
Jenny: Então o que te trouxe a minha humilde residência? - disse me deitando no sofá, mas Justin me puxou de uma forma animada.

Nossos corpos se chocaram, e nossos olhos se encontraram, ficamos alguns segundos quietos, e por fim começamos a rir. Sim! Começamos a RIR. O por quê? eu não sei, mas eu gostava de ser retardada com ele.

Jenny: E ai o que veio fazer aqui? - perguntei parando de rir.
Justin: Vim te chamar pra sair!
Jenny: Sair?! - perguntei confusa, por sua atitude.
Justin: Sim! Sair... Mas não é sair pra um restaurante ou algo assim, é sair pra vários lugares, comer coisas diferentes, e vê o sol se por - ele disse com os olhos brilhando.
Jenny: Isso foi meio gay - ri dele, que me olhou com cara feia - Mas ainda não entendi!
Justin: Vamos fazer um tour pela cidade...
Jenny: Mas hoje? Você sabe o que a gente enfrentou ontem, você acabou de terminar o seu namoro, e você já quer sair comigo?
Justin: Ai esquece um pouco a Hanna, o Chris, o namoro... Vamos "respirar" um pouco, talvez seja bom! Esquecer esse sentimento de culpa só por um dia... - ele disse olhando pra mim.

É... até que ele tinha um pouco de razão nisso tudo, seria realmente muito bom, esquecer esse sentimento de culpa. Acabei cedendo ao seu pedido.

Jenny: Ok acho que vai ser legal - sorri divertida.
Justin: Ebaaa, sabia que você ia ceder - ele disse e me abraçou, e me girou no ar, ri com isso, mas nosso clima foi cortado, quando Logan desceu.
Logan: Jenny eu vo... - ele parou de falar assim que me viu com Justin - Não sabia que tínhamos visitas - sua voz suava grossa, e seus olhos azuis, estavam com uma expressão de raiva.

Justin me botou no chão, e forçou um sorriso.

Justin: Oi Logan - ele estendeu a mão, em um gesto educado, mas Logan apenas ignorou e se foi. Justin fechou a cara... Era tão ruim vê-lo triste.
Jenny: Não fica assim... Ele só ta com raiva de você, por que você magoou Hanna - Justin me olhou confuso e eu suspirei - Ele gosta dela
Justin: Sério??? - ele me olhou com espanto.
Jenny: Sim!!! Mas agora vamos deixar pra lá... Esqueceu que vamos sair? - sorri.
Justin: Então, vamos?! - ele perguntou.
Jenny: Ok, só vou pegar minha bolsa - disse e subi para meu quarto.

~ Justin Narrando ~

Sabia que Jenny ia aceitar meu convite... Seria uma ótima oportunidade, para conhece - la melhor. Descobri que Logan me odeia, pelo fato de ter magoado a garota que ele gosta, mas não é culpa minha, quer dizer, é sim, mas....

Me sentei no sofá, para esperar Jenny pegar a bolsa, enquanto esperava a mesma, ouvi passos descendo a escada e o barulho da porta se abrindo, olhei pra trás e vi um homem alto, e a mãe de Jenny em de frente para o outro. Suas caras estavam expressando ódio, logo Jenny desceu as escadas.

Jenny: Mãe!!! - ela disse animada - olha quem chegou!! - ela disse sorridente.
Joice: É... Eu tenho que sair rapidinho, depois eu volto - ela disse meio estranha.
Jenny: Mas porque? Você acabou de chegar!
Joice: Tchau, filha - ela disse e saiu.
Jenny: Pai, o que... - ela parou de falar assim que viu seu pai subir as escadas, e logo um barulho forte da porta batendo, nos assusta.

Jenny olhou pra mim com uma cara triste, e eu abracei a mesma.

Jenny: Não sei o que ta acontecendo Justin - ela disse com a voz falha.
Justin: Calma.... Eles devem ter brigado só isso - disse confortador.
Jenny: Não Justin, eu conheço eles, mesmo se tivessem brigado, eles não teriam feito isso que aconteceu agora - ela disse e eu levantei sua cabeça.
Justin: Olha, esquece isso, vamos nos divertir, e quando a gente voltar vê o que aconteceu ok? - disse e ela assentiu com a cabeça, e eu dei um selinho nela - Então vamos!

Saímos da casa de Jenny e entramos no meu carro, liguei o som no máximo, abri as janelas, e comecei a andar com o carro.

Justin: É assim, cada lugar tem 30 minutos, eu escolho um lugar, e você escolhe o outro, e assim vai ok? - gritei pelo fato da musica estar alta, e o vento estar batendo altamente forte em nossos rostos.
Jenny: Tudo bem!! E agora pra onde nós vamos? - ela disse no mesmo tom de voz que eu.
Justin: Surpresa - fiz uma cara sexy pra ela e aceleirei o carro.

E o jogo, começa...


CONTINUA *-*

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHH SAUDADEEEES ETERNAS !!! <3 

uhuuuuuull 24 comentários véiii hahaha suas divas lindaaaaass!!! AMOOO VOCÊS D+++++ 

EM FIM JUSTIN FEZ 19 ANOOOOSSS AAAAAAHHH FIQUEI COM SDDS MAS COM ORGULHO.... Em fim odiei saber que a festa dele foi estragada por causa de atitudes ridículas, mas Justin é forte, ele ficou triste, mas ele nunca vai desistir de nós!

EM fim é isso bjuuuusss amos vcss e comenteeemmmm bastaaaaaannteeee!!!!

DUVIDAS? >>>>>>>>>>>>>> ASK
FALEM COMIGO >>>>>>>>>>> TWITTER


domingo, 24 de fevereiro de 2013

You're the smile on my face cap - 23



                                                                             

Hanna: De novo, já atendi essa porta mil veze... - ela parou de falar assim que abriu a porta e me viu - O que esta fazendo aqui? - ela disse seca.
Justin: É.... oi - disse se graça - posso entrar? 
Hanna: Não, não pode, na verdade, não podia entrar nem na minha casa, trate de ir embora! - ela disse fechando a porta mas eu botei a mão, e impedi ela de fechar a porta.
Justin: Hanna, por favor!
Hanna: Por favor, o que Justin? Quer me magoar mais ainda? - ela disse e eu abaixei a cabeça.
Justin: Olha Hanna, eu não vim aqui te pedir pra voltar e muito menos pra te magoar...
Hanna: Então o que quer?
Justin: Falar que você esta certa!
Hanna: Hã? - ela disse confusa.
Justin: Hanna, você tem todos os motivos pra ter terminado comigo, e você está totalmente certa, eu errei feio, e queria me desculpar por isso, mas acima de tudo, sua escolha foi certa, eu não devia ter feito aquilo... - disse arrependido.
Hanna: Minha escolha Justin? Minha escolha? EU NÃO TIVE ESCOLHA! Ou você acha que eu queria terminar com você??? Justin eu te amo, sacou? Eu não terminaria com você, sabe porque? Porque você me fazia feliz, pois é, FAZIA... - ela disse e lágrimas escaparam de seus olhos, ela limpou as mesmas rápido.
Justin: Me desculpa Hanna - disse e ia saindo.
Hanna: Sò me diz uma coisa - parei a sim que ouvi sua voz - Se você gosta tanto da Jenny assim, porque me pediu em namoro? Pra me ver sofrer? - ela disse confusa.
Justin: Eu achei que você poderia, me fazer esquece - la!
Hanna: Você me usou pra poder esquecer minha amiga?
Justin: Me desculpa Hanna - disse e ela entrou no quarto e fechou a porta.

Suspirei fundo e voltei pra casa, resolvi tomar um ar, liguei o carro e fui para um lugar só meu, ninguém, naquela cidade pequena conhecia aquele lugar, meu avô me mostrou antes de morrer, sinto saudades dele, ele era o único que me entendia, ele era um segundo pai pra mim, as vezes me entendia mais do que meu próprio pai, quando ele morreu, fiquei em um estado de depressão, porque foi o mesmo, mês que minha namorada (na época) se mudou para a Europa, e tivemos que terminar, então eu tinha perdido, 2 pessoas que eu amava tanto, em apenas um mês, e como meu avô sempre dizia "Seja homem antes de ser menino" parece meio sem sentido, mas fazia todo o sentido, pelo menos pra mim, ele quer dizer que antes de eu agir como um menino, que só pensa em sexo e mulheres, tentar agir como homem, ser romântico, e sempre tratar uma mulher bem, de ante de tudo... É vô, parece que eu não aprendi com o senhor.

Sai do carro e me sentei, naquele lugar, no topo, de um morrinho, que dava pra vê toda a cidade, mais não dava pra ouvir o barulho da movimentação da cidade, era um lugar calmo, com cheiro da natureza, deitei calmamente sobre a grama verde, e olhei parar o céu estrelado. Sorri, ao pensar nela, sim, nela!!! Mesmo magoando muitas pessoas com esse lindo sentimento, eu a amava, Jenny era especial, nunca senti aquilo por ninguém, era um amor forte, forte de mais!

Fechei os olhos e me lembrei de nossos beijos, de nossa noite juntos, foi ai que descobrir que não conseguiria viver sem ela, queria ela só pra mim, a vida toda...

~ Jenny Narrando ~

Cheguei em casa, e suspirei fundo, precisava me abrir com alguém, toquei na porta de Logan, e ele abriu.

Logan: Esta tud... - interrompi ele.
Jenny: Hanna descobriu tudo! - disse e me deitei em sua cama.
Logan: Como???
Jenny: Chris veio aqui, e Justin nos seguiu, e Hanna seguiu Justin, e começou a confusão, até que Chris, falou que eu e Justin já tivemos um caso, e não deu pra desmentir - disse e ele olhou pra mim.
Logan: Me desculpa Jenny, mas a Hanna deve estar muito mais magoada que você, e esta sozinha, já você... tem o namorado, ex agora, e ainda tem o Chris... - ele disse eu fiquei indignada.
Jenny: Você está insinuando que eu "roubei" o Justin dela??? Logan você sabe o que eu sentia pelo Justin, mas eu fiquei quieta, mas ele não, ele veio até mim, e eu não resisti... eu também estou sofrendo ok? Agora se você prefere ajudar Hanna, do que sua própria "irmã" vai lá - disse com raiva.
Logan: Você ainda acha que esta certa? Você e o Justin magoaram muito ela, mas vocês tem uns ao outro... E ELA JENNY??? ELA NÃO TEM NINGUÉM! JÁ PENSOU NISSO? VOCÊ DEIXOU SUA MELHOR AMIGA SOZINHA... E você ainda acha que eu deveria ficar aqui, tentando te ajudar, enquanto você que esta errada? Jenny, me desculpa, mas eu prefiro ajudar, quem merece ser ajudado, do que ajudar, quem tem que aprender SOZINHO com seus próprios erros - ele disse e saiu do quarto, batendo a porta forte.

Lágrimas começaram a cair de meus olhos, comecei a chorar, e fui pro meu quarto... Logan estava certo, totalmente certo, e é isso que me deixava triste, mas não com ele, comigo mesma. Eu deixei Hanna sozinha!

Soluçava durante o choro, mas era um choro silencioso, não queria que ninguém me ouvisse, em meio ao meu choro, acabei dormindo...

Acordei, me olhei no espelho, e minha cara estava inchada, e meus olhos vermelhos, fui no banheiro e tomei um banho, e botei uma roupa simples. Peguei meu celular, e mandei uma mensagem pra Justin, pra ele poder conversar com Hanna, o mesmo aceitou.

Desci para a cozinha e fiz um lanche pra mim, sentei no sofá e liguei a TV, comi meu lanche, e logo depois Logan chegou.

Logan: Oi - ele disse e eu não respondi - Não fica assim comigo - ele disse se sentando do meu lado, permaneci quieta - Conversei com Hanna, ela parece estar bem melhor agora - continuei em silêncio - Jenny eu preciso te contar uma coisa, mas antes... Eu sei que fui muito grosso com você, me desculpa, eu te amo mais do que ninguém, mas eu não consigo vê Hanna sofrer, porque... porque... Jenny, eu amo a Hanna, e não é como amigo, eu sempre gostei dela, e eu não gosto quando a magoam!
Jenny: E porque você não me contou isso antes? - disse não acreditando no que tinha acabado de ouvir.
Logan: Porque tinha medo de você contar pra ela!
Jenny: Ótimo, agora além de tudo você não confia em mim também?! - disse e fui para o meu quarto.

Me deitei e respirei fundo, logo depois Logan entrou no meu quarto.

Logan: Me desculpa, não devia ter te tratado daquele jeito - ele disse e se deitou do meu lado.
Jenny: Não! Tudo bem, eu merecia aquilo, eu sou uma idiota - disse e bufei.
Logan: Não fala assim, você é uma das melhores pessoas que eu já conheci, e todo mundo erra, não se sinta diferente por causa de um erro - ele disse e me abraçou.
Jenny: Você podia criar um livro de conselhos sabia? - disse e nós rimos.
Logan: Agora vai dormir pequena, hoje foi um longo dia - ele disse e beijou a minha testa.
Jenny: Ei, é mesmo verdade que você gosta da Hanna?
Logan: Sim é verdade! - disse e ele mandou um beijo no ar e eu ri.

Ele saiu do quarto e eu dormi, pois já estava tarde. Acordei de manha e fiz minhas higienes pessoais, e logo desci. Cheguei lá embaixo e não pude acreditar...

Jenny: Pai?


CONTINUA *----*

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHH 

32 COMENTÁRIOSSSSSSSSSSSSSSSSSS, 32 SABEEEE OQ É ISSO???? 32 AAAAAAAAAAHHHHHH SUAAAS LINDAS DIVAAAAAAAAS!!!! AMO VOCÊSSSS!!!

QUE SAUDAAAAAAAAADEEEEEEEEEES DE VOCÊÊSSSSSSSSSSS SUASSS LINDJASSS AHSASUHASUAS OK OK...

BOM GENTE BOOOOOOOOOOOOOOAAA NOITEEE KISSEEEEESS, E PFVVV COMENTEMMMMMMMMMMM BASTANTE BJUUUUUUSSSS!!!! 

Duvidas??? >>>>>>>>>> ASK
Fale comigo >>>>>>>> FACE e TWITTER


segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

You're the smile on my face cap - 22



                                                                           

Assim que ela ouviu o barulho de meus paços ela se virou pra mim, seus olhos inchados se arregalaram ao me vê.

Jenny: Posso falar com você? - disse me sentando em sua cama.
Hanna: Me deixa em paz! - ela disse com a voz falha.
Jenny: Hanna eu quero te explicar o que aconteceu, por favor, me ouça - disse e ela se virou para o outro lado -  Eu queria começar pedindo desculpas, na verdade sei que isso não é o suficiente, o que eu fiz, te magoou muito e eu sei disso, sei também, que quando você se machuca demora muito pra curar, sei que você vai ficar longos meses sem falar comigo, mas apesar disso tudo só queria que você soubesse que eu te amo, e que eu sei que estou errada, se você não quiser mais ser minha amiga, eu vou te entender, mas saiba que eu... Vou sentir saudades - disse e uma lágrima caiu de meu olhos.

Respirei fundo e limpei a lágrima que estava indo em direção ao meus lábios. Me levantei e fui andando até a porta, estava prestes a abri - la, quando, Hanna fala comigo.

Hanna: Porque? Eu só queria entender porque - ela sussurrou pra mim.

Olhei pra ela, que agora estava olhando fixamente pra mim, querendo uma resposta, mas o problema é que... eu não tenho uma resposta. Fui até ela e me sentei ao seu lado.

Jenny: Eu... eu... e... - não sabia como dizer, fechei os olhos e simplesmente cuspi as palavras - Eu o amo!
Hanna: Pois é Jenny, eu também o amo, mas uma de nós vai ter que esquece - lo - ela disse e eu abri os olhos.
Jenny: O que? - disse confusa, confesso que pensei que ela ia me mandar embora ou coisa assim.
Hanna: Não vou mentir, estou com muita raiva de vocês, muita mesmo, além de estar muito magoada, mas eu amo vocês, e se o Justin não me quer, eu prefiro esquece - lo do que estar com ele me iludindo - ela disse, e posso dizer que fiquei meio feliz com isso... Pois é, MEIO! - Mas eu ainda não entendo, porque vocês fizeram isso comigo?
Jenny: Ta bom Hanna, eu vou dizer! Justin me disse que está apaixonado por mim, ele gosta mesmo de você, mas... Não quero te magoar Hanna, mas eu sinto o mesmo por ele, e não consigo evitar, ele tem algum poder sobre mim, entende? - disse de cabeça baixa.
Hanna: Entendo Jenny, entendo sim, porque eu sinto o mesmo, mas vocês podiam ter me falado, mas não.... Jenny por favor, eu preciso ficar sozinha - ela disse respirando fundo e limpando suas lágrimas.
Jenny: Ok, mais uma vez, me desculpe - disse e sai do quarto.

~ Hanna Narrando ~

Minha vontade era de matar ela, mas eu a amava, mas preferi me fazer de forte, minhas lágrimas caíam concessivamente. Justin tinha me ligado umas 5 vezes, e eu fazia questão de recusa -las, não sei porque mas eu estava com mais raiva do Justin, do que de Jenny. Resolvi tomar um banho. Entrei no banheiro e me despi, entrei no box, e logo depois sentir as gotas quentes caírem sobre meus cabelos. Demorei um pouco no banho, mas logo sai e botei uma roupa. Ouvi alguém bater na porta, e gritei um "Entra", e logo a porta foi aberta.

Hanna: Logan? - perguntei confusa.

Ele entrou e se sentou ao meu lado.

Logan: Jenny me contou o que aconteceu - ele disse olhando pra mim.
Hanna: Você sabia? - perguntei.
Logan: Sim - ele disse quase em um sussurro e abaixou a cabeça.
Hanna: Até você Logan? - disse e uma lágrima saiu de meus olhos.
Logan: Não fica chateada comigo mas, Jenny é minha irmã, e sabia que ia te magoar - ele disse olhando em meus olhos.
Hanna: E adiantou alguma coisa? Afinal eu to magoada não é mesmo? - disse e ele bufou, e logo me abraçou.

Um abraço confortador, que eu não sentia a muito tempo, passei meus braços em volta, de sua cintura, e me aconcheguei em seu peitoral, e logo as lágrimas começaram a cair, como se nunca fossem parar. Logan passava a mão levemente pelos meus cabelos, e logo depositou um beijo na minha cabeça.

Logan: Menina linda, por que choras? - ele disse e nós rimos - você ainda vai encontrar alguém que vai te fazer feliz.
Hanna: Acho que não como o Justin! Ele me fez feliz - disse olhando pra ele.
Logan: Você esta feliz agora? - ele olhou pra mim.
Hanna: Não - disse e percebi que ele estava certo.
Logan: Mas nada a dizer - ele disse como se tivesse em um julgamento.
Hanna: Obrigada! - disse saindo de seus braços e me sentando de frente pra ele.
Logan: Não fiz nada de mais, apenas te alertei, que ele não merece essas lágrimas - ele disse limpando minhas lágrimas.

Sorri e nossos olhos se encontraram, seus olhos azuis eram tão profundos que eu me perdi, Logan foi chegando cada vez mais perto de mim, não conseguia me mover, senti sua respiração, perto da minha boca, e dei um leve empurro em seu peitoral, fazendo o mesmo se afastar um pouco.

Logan: Me desculpa, eu... - ele disse dando um pulo da cama.
Hanna: Calma Logan! - disse e nós rimos - É que ainda não estou preparada pra ter um relacionamento, afinal o meu acabou agora a pouco da pior maneira possível - disse e meu sorriso desmanchou.
Logan: Vou estar aqui se precisar - ele disse sorrindo.
Hanna: Obrigada mais uma vez Logan - disse e forcei um sorriso.

Logan apenas deu um beijo na minha bochecha e sussurrou no meu ouvido "Não precisa, agradecer" sorri, e ele também, acenei pra ele, que logo saiu do meu quarto e se foi.

Logan? Nunca pensei que o L-O-G-A-N fosse querer alguma coisa comigo, não percebi como ele era tão lindo, se eu não tivesse machucada por causa do Justin, eu até teria o beijado, mas eu ainda to confusa com tudo isso...

~ Justin Narrando ~

Cheguei em casa e me deitei na cama, respirei fundo, e resolvi ligar pra Hanna, e como eu esperava ela não atendeu nenhuma das minhas chamadas, continuei deitado na minha cama, quando meu celular apita, era uma mensagem de Jenny.

"Acabei de sair da casa de Hanna, ela esta mais calma, acho que você devia conversar com ela"

Respondi: "Obrigado, vou fazer isso!"

Levantei da cama e fui até o banheiro, tomei um banho e botei uma, camisa gola V azul, uma bermuda branca e um Supra azul. Penteei o cabelo e desci, peguei as chaves do carro e fui até a casa de Hanna, quando cheguei lá Logan estava saindo... LOGAN??? Sai do carro, e fui até sua casa, respirei fundo e apertei a campainha, e uma mulher atendeu.

Justin: Hanna, está? - perguntei envergonhado.
Xx: Olá, meu nome é Anne sou, a mãe de Hanna, entre! Ela esta lá em cima - ela disse simpática.
Justin: Prazer sou o Justin - disse e sorri, e logo subi as escadas.

Vi uma plaquinha com o nome de Hanna, e toquei na porta. Ouvi passos vindo em direção a porta.

Hanna: De novo, já atendi essa porta mil veze... - ela parou de falar assim que abriu a porta e me viu - O que esta fazendo aqui? - ela disse seca.



CONTINUA *-*

OOOOOOOHHHHHH MMMMMMMYYYYYYYYY JESUUUSSS LOOOOOOOL 25 COMENTÁRIO (V-I-N-T-E E C-I-N-C-O) GENTEEEEEEE EU AMOOO VOCÊS NA BOAAA, SUAS LINDAAAAAASSS, TO MUITOOOOOOOOOOO FELIZ NA BOA, HOJE EU VOU PRA ESCOLA FELIZ, POR CAUSA DE VOCÊS KKKKKKKKKKKKKKK OBRIGADO MESMO GENTE!!!

Em fim eu particularmente, não gostei desse cap, ele ficou pequeno e sem graça, mas vocês que sabem né... hahahah Continuo com 15 comentários, pode ser?? Ou 20 kkkkkkkkk amo vocês véi!!!

Comentemmmm e não esqueçam de SEGUIR O BLOG... Vamos lá gente é só clicar em "Participar deste site" não custa nada hahah uhuul 

KKKKKKKKKKKKKKK quem ai viu SNL??? kkkkkkkkkkkkkk eu chorei de rir kkkkkkkk GLICE KKKKKKKKKKKK QUAL FOI O PERSONAGEM QUE O JUSTIN FEZ QUE VOCÊS MAIS GOSTARAM???? Digam nos comentários!!!

Hoje é meu primeiro dia de aula :( #xatiada ft. #xorandu vou ficar alguns dias sem vocês :((((( Mas obrigado por me entenderem!!! Foi só isso BIEBERKISS para todas byeee!!!! 

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

You're the smile on my face cap - 21



AVISOS IMPORTANTES SOBRE A IB, NAS NOTAS FINAIS, POR FAVOR LEIAM, EU PRECISO QUE SAIBAM DISSO OK?? KISSES E BOA LEITURA :)

Justin: O QUE ESTÁ ACONTECENDO AQUI? - gritei.
Hanna: EU QUE PERGUNTO - ela disse olhando pra mim, séria.
Justin: Hanna? - disse confuso olhando pra ela que tinha me seguido até aqui.
Jenny: O QUE VOCÊS ESTÃO FAZENDO AQUI? - ela disse chamando nossa atenção.

Jenny, estava sentada no chão ao lado de Chris, e a televisão alta tinha a voz de uma mulher gemendo, olhei pra telinha e vi que era apenas um filme porno. Assim que abri a porta Hanna apareceu atrás de mim! Merda ela tinha me seguido.

Hanna: Você me disse que ia pra casa! - ela disse com raiva.
Justin: Mas eu ia... mas resolvi passar na casa de Jenny, pra perguntar se você gostava de flores, porque eu ia te ligar e voltar pra lá, mas não sabia que flores comprar, só que eu ouvi gemidos e pensei, que... que... - menti tão feio mais tão feio que até o Gozilla se sentiu bonito.
Jenny: Só que o que Justin? Que eu estivesse transando com o Chris? E se eu tivesse, o que você tem haver com isso? - ela disse e meu coração quebrou em pedacinhos.
Justin: Eu só, queria saber que tipo de flor a Ha... - Hanna me interrompeu.
Hanna: Você não cansa de mentir não Justin? Ta bem óbvio que você inventou essa história, mais do que ridícula - ela disse com raiva, e meus olhos arderam.
Justin: Gente eu... - dessa vez Chris me interrompeu.
Chris: Pow cara, você não ta vendo que ta fazendo a menina sofrer? Até um cego já percebeu que vocês tiveram um caso, e você mesmo com sua namorada ainda não superou, não basta magoar uma, tem que magoar todas? - ele disse e eu não sabia o que dizer, a final ele estava certo.
Hanna: É verdade isso Justin? - ela disse já com lágrimas molhando seu rosto.
Justin: Hanna, eu... - ela me interrompeu novamente.
Hanna: É VERDADE ISSO JUSTIN??? ISSO É VERDADE? - nessa hora ela já estava descontrolada, e chorando muito, ela gritava, não sabia o que dizer - eu confiei em você, EU CONFIEI EM VOCÊ JENNY - ela disse apontando para Jenny, acusando - a - Vocês me traíram?!!! PORQUE??? O QUE FOI QUE EU FIZ? ME DIZ! O QUE FOI QUE EU FIZ?
Jenny: Hanna, se acalma... - Hanna interrompeu ela.
Hanna: Você me disse, que Justin, tinha vindo aqui falar de mim, e na verdade vocês estavam se agarrando??? É por isso que eu não podia vim de madrugada aquele dia né??? PORQUE O JUSTIN "DORMIU" COM VOCÊ!!! VOCÊS TRANSARAM, NÃO FOI??? - ela gritava e suas lágrimas não paravam de cair.

Eu e Jenny ficamos quietos sem saber o que fazer...

Hanna: Quer saber? Eu vou embora - ela disse mais calma, mas ainda sim soluçando, por causa de seu choro.
Justin: Não, espera - segurei seu braço.
Hanna: Me solta Justin, acabou! Acabou tudo... pelo menos o que foi verdadeiro - ela se soltou de mim.
Jenny: Hanna, eu... - ela disse com lágrimas nos olhos, mas foi interrompida.
Hanna: E você Jenny? Bom, você não é mais minha melhor amiga, nem minha amiga, nem mesmo minha colega, é só uma menina que não gostaria de ter conhecido - ela disse e se foi.

Jenny começou a chorar, eu entendia ela, e pensar que isso é tudo é culpa minha.

Chris: Eu acho que vou embora, você vai querer ficar sozinha, né? - ele disse fofo, abraçando ela, Jenny apenas balançou a cabeça positivamente - então vou indo, se cuida - ele limpou suas lágrimas, botou seus cabelos pra trás e deu um leve beijo em sua testa, logo ele se foi.

Justin: Acho que devíamos conversar - disse olhando em seus olhos.
Jenny: Porque Justin? Porque você fez isso? - ela sussurrou, olhando pra baixo.
Justin: Eu não sei, eu pensei que você e Chris fossem...
Jenny: Transar?! - ela completou - Justin eu só conheço ele a 1 dia, você acha que eu vou transar com ele? Olha eu sei que você ta sofrendo, mas isso é culpa sua, minha amizade de 18 anos, acabou em minutos por sua causa, você me machucou muitas vezes, e agora machucou eu e minha amiga, Hanna realmente te ama, você não percebe isso? - ela disse com o tom de voz calmo.
Justin: E você Jenny?
Jenny: Eu o que?
Justin: Você ainda me ama? - disse e ela ficou quieta por alguns segundos.
Jenny: Tchau Justin - ela disse entrando em seu quarto mas eu a puxei, seu corpo se chocou contra o meu, e nós estávamos tão perto que dava pra sentir sua respiração.
Justin: Jenny, eu não posso evitar, eu gosto de Hanna mas... - cheguei ela mais perto de mim - Eu estou completamente apaixonado por você - sussurrei perto de sua boca, antes de tocar seus lábios aos meus.

Nosso beijo era tão calmo, tão simples e fofo, era frágil igual a um diamante, nossas línguas dançavam dentro de nossas bocas, eu precisava dessa menina pra mim, pra sempre!

Justin: Jenny por favor, fica comigo! - disse parando o beijo.
Jenny: Justin, eu acabei de perder minha melhor amiga por você, seu namoro acabou de acabar por causa de mim, e mesmo sabendo que não podemos ficar juntos, eu quero.... Estou muito confusa, e acho que você também, então vamos esperar isso tudo se acalmar e a gente vê o que rola, ok? - ela disse passando a mão em meu rosto.
Justin: Ok, me desculpa se te magoei, e eu vou falar com Hanna, a culpa foi minha, mas não adianta nada eu estar com ela se tiver apaixonado por você, é só esperar ela se acalmar, eu vou indo, pense na minha proposta - disse e abracei ela - Tchau - forcei um sorriso e fui embora.

Peguei o carro e fui pra casa.

~ Jenny Narrando ~

Que dia hein Jenny, disse me jogando na minha cama. Primeiro eu perco minha melhor amiga, depois o namorado dela, quer ficar comigo... Eu não aguentava mais aquele sentimento de culpa, resolvi ir até a casa de Hanna. Tomei um banho, botei uma roupa, e respirei fundo, antes de sair de casa. Fui caminhando calmamente até a casa de Hanna, pensando em o que ia dizer.

"ding dong" o som da campainha soou assim que toquei -a. Logo depois a maçaneta se moveu e a porta se abriu.

Jenny: Oi Sra. Anne, Hanna esta? - perguntei sorrindo.
Anne: Está sim Jenny, pode subir - ela disse e eu entrei.
Jenny: Obrigada - disse e subi as escadas.

Respirei fundo umas 10 vezes na expectativa de ser encorajada por mim mesma, e finalmente consegui virar a maçaneta, e abri a porta. Hanna estava deitada em sua cama, para o lado inferior ao da porta. Assim que ela ouviu o barulho de meus paços ela se virou pra mim, seus olhos inchados se arregalaram ao me vê.

Jenny: Posso falar com você? - disse me sentando em sua cama.



Continua!!! *------*

heeeeeeeeeeeeey heeeeeeey heeeeeeeeey, genteee vocês estão me surpreendendo com os comentários, 18 comentários uhuuuuuul... espero ter muitooo mais, será que consigo 20 comentários??? *ooo*

BOM TENHO UM AVISO MUITO IMPORTA A-T-E-N-Ç-Ã-O!!! Minhas aulas vão começar segunda feira (18/02) e como a minha escola EXIGE muitoooo estudo, eu não sei se vou poder postar frequentemente, como eu posto, (um dia sim, um dia não) talvez só consiga postar no fim de semana, pelo fato de que vou estudar de tarde :( e vou ter explicadora de manhã, mas vou tentar postar de noite, e por favor, peço QUE NÃO ME ABANDONEM OK? Eu vou continuar postando, mas vai demorar um pouquinho, mas pode deixa que TODA SEMANA, vai ter cap novo ok??? Espero que entendam. Bom e com isso eu vou começar a pedir comentários, tipo "com 10 comentários eu continuo" espero que eu tenha um numero maior de comentários, do que o numero que eu pedirei!!! 

Então é isso minhas DIVAS amoo vocês, COMENTEMM, bieberkisseees E NÃO ESQUEÇAM DE SEGUIR O BLOG HAHA Bjuuuuusstennn!!



quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

You're the smile on my face cap - 20


                                                                                 
ROLA A SETA LÁ PRA BAIXO DEPOIS DE LÊ O CAP, E LÊ AS NOTAS FINAS, RESPONDI OS COMENTÁRIOS, ESPERO QUE GOSTEM E LEIAM POWW HAHAHA BOA LEITURA :) E COMENTEMM!!! KISSES

Chris era um menino lindo, fofo, legal, simpático, talvez devesse tentar esquecer o Justin e seguir em frente, quem sabe com o Chris...

Jenny: Obrigada! - disse depois de pegar a Coca.
Chris: Não precisa agradecer - ele disse e me deu um beijo na bochecha.

Justin tossiu falso, e eu olhei pra ele indignada, Hanna saiu do vestiário e nos olhou, e sorriu. Ela finalmente escolheu um vestido, e olhou pra mim.

Hanna: Agora é sua vez Jenny! - ela disse sorridente.
Jenny: Eu não!
Chris: Ah! vai lá poxa, vai ficar tão linda - ele disse sorrindo.
Justin: É Jenny, vai lá! - ele disse irônico.
Hanna: Ah! Vem logo, eu te ajudo - ela disse insistente.
Jenny: Ta! - disse desanimada, porém por vencida.

Hanna pegou várias roupas pra mim e me jogou dentro do vestiário. Tava com preguiça de fazer isso, mas fazer o que né...

~ Justin Narrando ~

COMO? Como essa menina tinha tanto controle sobre mim? Mesmo estando na frente da minha namorada, se ela tentasse me beijar eu correspondia sem duvidas! Mas isso não pode acontecer! Mesmo não parecendo, eu sofro vendo ela sorri com o Chris, e chorar comigo... Mas Hanna mesmo não sabendo me ajuda a sorrir, mesmo por dentro eu estando confuso e triste.

Ouvi um barulho de porta sendo aberta e olhei pra frente, e lá estava ela, linda como sempre, ela usava um vestido curto vermelho, que a deixava sexy, sua bunda e seu peito estavam mais realçados e o vestido estava colado em seu corpo, seus cabelos estavam jogados pro lado e a mesma estava descalça.

Jenny: E ai, o que acham? - ela disse mordendo o lábio inferior, como se estivesse em dúvida.
Chris: Tem princesa mais linda? - sentir dor ao ouvir outro menino chamar a "MINHA" princesa, de princesa, já está virando rotina.
Jenny: Own seu lindo - ela disse e eles deram um selinho.

Só de pensar que ela me esqueceu tão rápido, me faz chegar a conclusão de que eu sou um canalha mesmo... Não devia estar triste, já que tenho uma namorada linda, fofa e que me ama... Mas não consigo evitar, minha atração por ela se tornava cada vez mais forte, ao vê - la.

Hanna: Que casal lindo! Não é mesmo, Justin? - ela disse com seus olhos brilhando enquanto olhava para Chris e Jenny sorrindo.
Justin: Sim! Claro! Lindos! - disse me despertando dos meus pensamentos.
Hanna: Ok, agora volta lá, ainda tem muitos vestidos - ela disse empurrando a Jenny, para o vestiário novamente.

Não, não era um casal lindo! Acho que é o pior casal que já vi na minha vida... Jenny é muito buraco, pro minusculo taco dele, se é que você me entende.... Meus pensamentos, foram interrompidos por Hanna se sentando em meu colo.

Hanna: Não ta nem um pouco divertido né? - ela disse passando a mão sobre minha bochecha.
Justin: Até que ta legal - disse esboçando um sorriso.
Hanna: Vou fingir que acredito - ela disse sussurrando tão perto de minha boca, que dava pra sentir o cheiro de seu gloss, sabor morango.

Antes de nossos lábios se encostarem vi Jenny saindo, do vestiário, dessa vez com um vestido azul, um pouco mais longo, e os cabelos presos, e logo Chris foi até ela, ela nos olhou e logo em seguida Hanna me beijou, um beijo calmo, bom e muito apaixonante, pena que Jenny, não sai da minha cabeça. Abri meus olhos durante o beijo e vi Chris se aproximando de Jenny e logo eles se beijaram, mas não era um beijo calmo, romântico e normal, era selvagem, era picante, dava pra ficar exitado só de vê o beijo dos dois, naquela hora me lembrei do nosso beijo, na casa dela.

FlashBack ON*


Jenny: Justin, para, eu gostei de você, e agora passou... Se acalma, isso vai passar! - ela disse.
Justin: Passou pra você? - disse e ela ficou quieta.
Jenny: Justin, já disse que não po... - interrompi ela com um beijo.

Mas o beijo foi ficando mais intenso, estava em cima dela, passando a mão em todo seu corpo, Jenny parou o beijo ofegante.

Jenny: Justin não podemos... - sua voz soou falha por estarmos tão perto.
Justin: Vem comigo - disse e puxei ela até seu quarto.

Entramos no quarto dela e eu tranquei a porta.

Jenny: O que fo... - interrompi ela novamente com um beijo - Jus... Just... é não não podemos - ela disse ofegante, pelo fato de eu estar beijando loucamente seu pescoço, e se separou de mim.
Justin: Você vai realmente me deixar assim? - disse apontando pro meu membro que já estava com volume.
Jenny: Vou! - ela disse simples.
Justin: Não faça isso!
Jenny: Justin, a Hanna... - botei o dedo indicador, em sua boca, com intenção de de cala - la.
Justin: Apenas curta o momento - sussurrei e beijei ela.

Nosso beijo começou a ficar intenso de novo, Jenny me empurrou na cama e veio pra cima de mim, inverti e tirei sua camisola, com delicadeza...

FlashBack OFF*

Sorri entre meu beijo com Hanna, e ela parou com alguns selinhos.

Hanna: Ué, cade eles? - ela disse olhando para todo canto da loja.

Hanna abriu a porta do vestiário e lá estava Jenny e Chris se beijando, aquela cena, doeu como uma faca enfiada em meu coração. Jenny já vestia outra roupa... será que ela se trocou com Chris ali dentro? Os dois pararam o beijo ofegantes e envergonhados. Jenny sorriu e puxou Chris para fora do vestiário.

Jenny: Se divirtam ai, eu e Chris vamos lá pra casa - ela disse e mandou um beijo no ar pra Hanna, e saiu correndo junto a Chris.

Por que eles tão com essa pressa toda? Pera ai... Eles estavam no maior amaço no vestiário, e agora saíram correndo, pra casa de Jenny, onde tem quarto, que tem cama.... WHAT???

Hanna: Pronto agora ficamos sozinhos - disse ela vindo até mim.
Justin: Acabei de lembrar que preciso ir pra casa... sinto muito amor, amanhã a gente se encontra - menti, por mais que eu odiasse fazer isso, tinha que impedir aquele idiota de fazer besteira com Jenny.
Hanna: Eu vou com você! - ela disse animada.
Justin: Não da amor... to muito cansado - disse fazendo biquinho.
Hanna: Poxa, sou tão chata? - ela disse fazendo carinha triste.
Justin: Claro que não né! Te adoro - disse e beijei ela.

Sai correndo até o meu carro e abri a porta do mesmo. E fui em direção a casa de Jenny. Cheguei lá e toquei a campainha mas ninguém me atendeu, vi que a porta estava aberta e entrei na casa, corri até o quarto de Jenny, e pude ouvir alguns gemidos, rapidamente abri a porta.

Justin: O QUE ESTÁ ACONTECENDO AQUI? - gritei.
Hanna: EU QUE PERGUNTO - ela disse olhando pra mim, séria.
Justin: Hanna? - disse confuso olhando pra ela que tinha me seguido até aqui.




CONTINUAAAAAAAAAA *-*

VOLTEEEEEEEEEI GENTE SAUDADESS DE VOCÊS... CARACAAAAAAA 17 COMENTÁRIOS??? CALMA AE VOU ALI SURTAR... VOLTEI, RESOLVI SURTAR AQUI MESMO, EM 1,2,3 AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH SUAS LINDAS AMOOOOO VOCÊS!!!

QUEM ME VIU DIVAR NO TV XUXA?? HAHA GENTE AS MINHAS AMIGAS ESTAVAM DO MEU LADO E APARECERAM E EU NÃO #XORANDU, MAS TEM PROBREMA NAUM EU VOU DANÇAR NO PALCO DA XUXA DIA 9 DE MARÇO MERMO, BEIJOS RECALQUE HAHA... 

BOM VOU COMEÇAR RESPONDENDO OS COMENTÁRIOS OK? OK!

@Choosederek: "Coitada da Jenny, o Justin tbm ein ai ai kkkkkk continua rapidoooooo hahaha"

Respondendo: Né??? Justin muito idiota, namoral a garota que escreve essa IB é uma louca né? kkkkkkkkkkkkkkk sou normal genti hahaha espero que continue gostando!

Berenice Mourão: Coontinuaaa please.. Li do 1 até o 19 só hj, parando so pra comer rsrs.. É mt show essa história ein kkk"

Respondendo: Que isso meninaaaa... hahaha só parou pra comer??? Tenho preguiça de lê até um cap.... kkkkkkkk Espero que continue gostando kisses, e seja bem vinda.

@SmilerDoBiebs: "continuaaaaaaa gataaa ebaaa ela vai seguir com o Chris eu to me sentindo do contra pq sou a unica torcendo pra ela nao ficar com o Jus pq ele e um canalha kkkkkkkk aiaia sou dessas bjjs saudades de vc chata"

Respondendo: Vissssssssssshhhhh maya, eu também to torcendo pro Chris, mas num da né??? kkkkk calma Justin vai perceber o que esta perdendo... (eu acho) kkkk em fim, sua bitch, sdds de vc também, atende o cel caraca PRECISO FALAR CONTIGO hahah te amo!

@CodyMyCrush: "Awwwwwww, que cap mais TUDO! Minha gente, a Jenny não pode se humilhar assim, pfvr! TE AMO AMORA, continue logo! haha"

Respondendo: AAAAAAAAAHH MINHA DIVAAA, genteee foi ela que deu o novo visual pro blog, ficou lindo né??? OBG D-I-V-A te amo tbmm!!! E calma a Jenny vai ser muito feliz...

Karine Karoline: "ahhhhhhhhhhh poxa o jus ta namorando com a Hanna, Jenny sofrendo de novo,cade um namorado pra ela tadinha. Amando ler essa IB" 

Respondendo: Poxa vida né??? Só Justin sai feliz nessa coisa??? Pode isso??? NUM PODI... calma minha gente, Justin vei ter o que merece e Jenny também... que bom que ta gostando amor!!!

Tay Bieber SZ: "Nossa essa IB ta mto perfeita! ah o Justin tem q sofrer um pouco, tadinha da Jenny só ela q sofre :( continua diva! haha" 

Respondendo: SÓ A JENNY SOFRE NÉ GENTE??? Caraca já to ficando bolada com o Justin, ele é muito babaca, ele merece sofrer... Pode deixar que ele vai ter o que merece! E DIVA SÃO VOCÊS!!! hahaha 

@MesninadoJB_Br: "Oi diva, q saudade de vc *-* Eu acho q vc nao lembra de mim, mas eu lembro de vc anjo :) Eu lia sua outra IB *-* Mas agora estou lendo essa IB perfeita q vc esta postando, por favor continua logo *-* eu era a @Jaciara_Bieber > Mas agora meu fc é @MesninadoJB_Br"

Respondendo: CLAROOOO QUE LEMBROO!!! Que saudadesss pensei que tivesse me esquecido :( hahah Espero que goste dessa IB, e diva é vc pfv haha s2.

Anônimo: " Ah to amando...ta super fofa! ROMEU E JULIETA...mas eu queria tanto que eles ficassem juntos...bom bjuss boa viagem!Ah adorei o visu novo do BLOG!"

Respondendo: OWNNN OBG amor!!! Também quero eles juntos, mas ta difícil né?? haha e o visu foi a diva da Bia (@codymycrush) que fez haha e eu tbm ameei!!!

Anônimo (tarado): "Eu e minha amiga somos taradas em vc, adoro seu estilo, vc curte mulher tbm? Imagino vc chupando meus peitinho (são pequenos, espero q não se importe). Doidinha pra enfiar minha chapinha na tua perseguida. bjxxxxxxxx"

Respondendo: VISHHH AMOR... tenho que vê na minha agenda, porque ta muito cheia.. cheia de gente querendo meu corpo nu então num vai da, até porque eu só sou do JUS10, mas vou vê, e se der pode vim você e sua amiga que a gente faz... a 3 kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk SQNNNN NÃO SOU LÉSBICA, E ESSE COMENTÁRIO ME FEZ GARGALHAR DE RIR, ERROU DE BLOG AMOR BEIJOSS!!!

Em fim é só isso KISSES E ATÉ O PROXIMO CAP HAHAH BYEEE E COMENTEMMMMMMM!!!! PS: Não esqueçam de seguir o B-L-O-G!!!